Mapeamos  toda
pra
voce.

 
 
Cadastre seu e-mail para receber nossos informativos.
 
 




     
Compartilhar


Publicado em 01/11/2022


UM PAPO ABERTO SOBRE FIDELIDADE MASCULINA


E os homens estão no centro da roda. Ou da fogueira. Existe mesmo um homem que não trai?

Frejat disse que por você, ele desejaria todo o dia a mesma mulher. Uau.

Frejat provavelmente cantou "Por Você" no auge da paixão, aquele fogo que queima, que deixa a gente bobo e que a gente faz da outra pessoa o centro do universo. O que Frejat não contava é que a paixão não dura para sempre, porque a intrusa da rotina vai chegar e amornar essa relação.

Da experiência em consultório, ouço muitas queixas de mulheres que foram ou acreditam estar sendo traídas. Me contam sobre as buscas por provas nas redes sociais. As neuróticas vasculham o que podem e montam acampamento no celular para ver quando o amado estará online e por quanto tempo. A pergunta é, se não é com ela, com quem ele está conversando?

Há também as que pagam e instalam um aplicativo tipo espião no aparelho do amado. As que criam perfis falsos para se comunicar com o namorado e ver no que dá. Além das famosas fuçadas no aparelho, entre o banho e o sono do garoto. Não durmam queridos! As cara-metades estão de olho em vocês.

Doideiras à parte, sim, doideiras, porque uma mulher que perde esse tanto de energia para saber se seu namorado/namorido/marido está de papo com outra mulher, está deixando de cuidar e alavancar sua própria vida.

Sobre os homens. Arrisco dizer que não existe homem cem por cento fiel. Quem vos escreve não conheceu nenhum. Talvez os tementes à doutrina religiosa, os tímidos e desajeitados, os com baixa ou nenhuma autoestima, ou ainda os que não tem aparelho celular. Ou vivem numa caverna.

Andei perguntando aos pacientes homens sobre tal questão. Quem não trai diz que o processo é tão burocrático, há tanta coisa envolvida que ele prefere ficar quieto no canto dele. Há ainda os que amam e respeitam a  companheira, mas muitos rompem a relação em algum momento da vida. Ao contrário do que pensamos, homens amam, mas não conseguem ficar casados com o mesmo corpo pelo resto da vida. Sim, o foco principal da traição é o sexo.

Eu quero é sexo! Roger do Ultraje cantou, não vou descordar dele. O prazer da carne está no topo da lista do que o homem procura fora de casa. É aquela velha história de que a comida de casa é boa, mas variar é necessário. Ai, machismo. Que preguiça.

Por que resolvi escrever sobre esse tema tão batido? Porque fico pensando como estarão as relações daqui dez, vinte anos. Será que já estaremos crescidos o bastante para entender que a sexualidade faz parte da vida, que relacionamentos terminam, que homens e mulheres têm os mesmos direitos, que prazer sexual não está vinculado ao amor. E que redes sociais são oasis aos que estão abertos às novas experiências. 

A energia sexual é a energia mais forte do ser humano. Se um animal no cio é difícil de ser controlado, quem dirá um homem com suas facilidades. E não viver essa sexualidade por completo trará recalques, que se manifestam, por vezes, com agressividade.

Mas então você está afirmando que no futuro só existirá relacionamento aberto? Não, prefiro acreditar que o diálogo é a solução. Sentar e conversar. Sem ego, com maturidade. Enfrentar e entender situações, civilizadamente.

À propósito, Frejat, me chama no zap. Eu sempre quis ter a experiência de ser unicamente desejada.


Redação: Silvia Delforno




Portal Vila Mariana ® SP