Mapeamos  toda
pra
você.

 
 
Cadastre seu e-mail para receber nossos informativos.
 
 




Compartilhar

Publicado em 17/06/2013


BAIRRO MOEMA - SP



Caracterizado por grande desenvolvimento comercial e qualidade de vida, o bairro de Moema pertence à Zona Centro-Sul da cidade de São Paulo.

O local é repleto de opções de entretenimento e serviços. Uma de suas ruas, a “Rua Normandia“ por exemplo, é uma das atrações mais relevantes e procuradas. Na época do natal, é completamente enfeitada e iluminada de elementos natalinos, produzindo até neve artificial para chamar atenção do público. São 36 lojas de presentes, moda e decoração para atrair as pessoas.

Outra boa referência encontrada em Moema é o “Parque do Ibirapuera”. Bem arborizado, é o terceiro maior em extensão da cidade de São Paulo. Uma das principais atividades realizadas no local é o ciclismo, que inclusive não se limita apenas aos portões do parque. Isso porque Moema foi o primeiro bairro a fazer uma ciclofaixa em ruas movimentadas. Sua extensão é de pouco mais de 3 quilômetros, estando localizada nas avenidas “Araguari”, “Aratãs”, “Pavão” e “Rouxinol”.

Considerado um bairro nobre de São Paulo, Moema oferece inúmeras opções de bares e restaurantes com os mais variados tipos de gastronomia. “Big X Picanha”, “Gendai”, “Outback”, “Fogo de Chão”, “Applebee´s” e “Dell’Arte” são apenas alguns dentre os mais conhecidos locais. Moema divide espaços residenciais com muitas lojas renomadas internacionalmente como a “Luigi Bertolli”, “Lacoste”, “Scene”, entre outras.

A história do bairro Moema está ligada diretamente ao desenvolvimento de outro bairro, o de “Indianópolis”. Em 1976 houve na região a inauguração do “Shopping Center Ibirapuera”. O acontecimento trouxe grande desenvolvimento ao local, que 11 anos depois, por meio de abaixo-assinado popular, ganhou emancipação de uma parte de Indianópolis, que se chamaria Moema.

CURIOSIDADES

As ruas de Moema recebem nomes de índios entre a “Avenida Ibirapuera” e a “Ruben Berta”, e de pássaros entre a “Ibirapuera” e a “Avenida Santo Amaro”. Em 1930, quando houve imigração de italianos, húngaros, alemães, lituanos, poloneses e outros em direção ao bairro, a região passou por um grande desenvolvimento industrial. O curioso é que as ruas serviam para distinguir as classes sociais, enquanto os operários moravam na chamada “Moema dos índios”, as famílias mais ricas residiam na “Moema dos Pássaros”. Hoje, já não há mais diferenças sociais e econômicas entre as duas regiões.

A origem do nome “Moema” vem de um poema escrito por Santa Rita Durão em 1871, um clássico da literatura brasileira. Moema era uma índia que morava no Brasil na época colonial e teve envolvimento com Diogo Álvares Correia, mais conhecido como “Caramuru”.


O bairro paulista faz fronteira com a “Vila Olímpia”, “Vila Nova Conceição”, “Brooklin”, “Planalto Paulista”, “Jardim Lusitânia” e “Ibirapuera”. Uma curiosidade é a localização de Moema, a região fica próxima ao “Aeroporto de Congonhas”. Em média, a cada três minutos uma aeronave sobrevoa os prédios do bairro, isso causa um pouco de desconforto aos moradores do local, que inclusive, para garantir a qualidade de vida, criaram a “Associação dos Amigos e Moradores de Moema”.

Assim como as regiões de “Higienópolis”, “Pacaembu” e “Jardim América”, Moema apresenta os imóveis mais bem valorizados de São Paulo. O valor do metro quadrado chega a média de 6 mil reais, quanto ao aluguel, é considerado o mais caro da cidade.




Felipe Sgura, para o Portal Vila Mariana.














dia 18 (Qua)
Meu amigo Enzo

Portal Vila Mariana ® SP