Mapeamos  toda
pra
você.

 
 
Cadastre seu e-mail para receber nossos informativos.
 
 




Compartilhar

Publicado em 28/11/2014

ÂNGELA RO RO

“NÃO FAÇO O JOGO DE NINGUÉM, NEM O MEU.“

Foi difícil de acreditar! Depois, de finalmente conhecer toda a discografia de um dos mitos da minha adolescência, o telefone tocou... Era “ela” do outro lado da linha. A mesma voz que atiçou minha curiosidade musical sobre seu trabalho iria agora, com muita generosidade e bom humor, me responder dez perguntas que serviram de base para essa matéria, onde falaremos de uma das maiores artistas brasileiras, alguém que desde sempre, impôs a sua verdade e a sua arte, sempre com uma poesia na voz e um sorriso nos lábios. 

Ela estará dias 05 e 06 de Dezembro ás 21:30, apresentando-se na casa de Shows “Tom Jazz”, em São Paulo dentro do Projeto “Sons da Nova Brasil FM” . 

Lança novo CD e DVD que a define bem: “Feliz da Vida“  

Abaixo, trechos do nosso “bate - papo“.     
                                                                                                     
Senhoras e Senhores, conheçam um pouco mais de Ângela Ro Ro


Como artista, lhe considero, como uma das poucas, que consegue  transformar em arte os conflitos da própria vida, um mérito de Fernando Pessoa e Oscar Wilde.  Suas letras beiram a mais fina poesia. Quais são as suas influências literárias?

Na realidade sou bastante inculta, quase não li literaturas importantes e sérias. Definitivamente acreditar em poetas e letristas é muita ingenuidade. Pois quase nunca condiz com a vida pessoal,  as suas obras. 


Ela ainda afirmou que não sabe se suas letras realmente beiram a mais fina poesia. Mas quando ouvimos versos como esse:  “Nunca confunda, carinho e desejo“, frase da letra da música  “Gota de Sangue“, fica impossível não vê-la como uma grande poetisa. 


Uma vez você citou a Bethânia como a sua intérprete maior, e eu não duvido disso. Simone também  gravou músicas suas e de seu repertório. Qual a intérprete, ou o intérprete,  que a compositora gostaria de ver cantando suas músicas. 

Muitos. Vários destes já falecidos. Mas com sinceridade me alegro com qualquer música minha, sendo interpretado por qualquer cantor. 


Ela cita Silvia Manchete, que a convidou para um dueto em seu último disco. As duas cantam “Tango da Bronquite“. Há ainda o CD “Coitadinha Bem Feito”, onde um time de compositores a convite do Dj Zé Pedro e do Jornalista Marcus Preto, visitam a obra de Ângela Ro Ro. 


Temos também os roqueiros que já gravaram músicas tuas;  Barão Vermelho, Cazuza. A que você  atribui esse fascínio que você exerce  nos  roqueiros?  

Eu sou  “rock n roll“ puro. Desde o início, eu baseei  minha vida musical em rock e blues. Eu sou um deles. O rock é um estado de espírito. 

Em seu novo trabalho “Feliz da Vida“, temos o primeiro registro de “Malandragem, composição que foi sucesso na voz de Cássia Eller, mas que, na verdade, foi composta por Cazuza e Frejat, para Ângela, mas a homenageada esperou o momento certo de gravar.  


Você quis muito uma música de Caetano Veloso, e ele disse que não via necessidade, por você ter composições maravilhosas, até que ele te fez  “Escândalo“. Você tem gravações belas de músicas de outros compositores como  “Simples Carinho“ de Abel Silva e João Donato  ou  “Opus 2“ de Antonio Carlos e Jocafi. Qual o critério que você, uma compositora tão fértil e criativa, tem para gravar outros autores? 

Nenhum critério. Apenas minha espontânea vontade.


Elis Regina, uma vez disse que na época que você surgiu, você era a única cantora, que não estava fazendo o  “jogo” das gravadoras . Qual é  o “ jogo“  da artista  Ângela Ro Ro? 

Nenhum jogo. Não tenho cartas escondidas nas mangas, não  faço o jogo de ninguém, nem o meu. 


Direta, franca, honesta na vida e na arte!  Angela Ro Ro me fascinou com sua música e poesia por anos. Agora me fascinou nesse primeiro contato pessoal. Não há realmente separações entre a pessoa e a artista! A simpatia, a generosidade  e a verdade arrepiante estão presentes na  pessoa e na artista. Falando em simpatia, o que ela nos diz sobre... Bom humor: 


Já fui ás lágrimas em seus shows de tanta emoção, assim como já dei muita risada, pois você tem uma veia cômica incrível! Seus shows costumam ser mais divertidos que muitos shows de Stand-up que já assisti.  Você fez  teatro emsua carreira? 

Já fiz teatro mas muito pouco. Uma vez uma peça como figurante aos seis ou sete anos de idade, era figuração. Era um palco maravilhoso, o Teatro João Caetano em 1956 ou 1957. Depois fiz um musical logo que  cheguei da Europa. Tinha um elenco maravilhoso, Nelson Xavier. Evandro Mesquita, Paulo César Pereio aí  eu já tinha  vinte e quatro anos. O humor no palco e na vida é a cura para todos os males. 


Em 1979 foi convidada pelo produtor Paulinho Lima para gravar seu primeiro LP, "Angela Ro Ro", pela PolyGram. Em 11 de maio desse ano,  Angela tinha feito sua estreia nacional com show no Teatro Ipanema (RJ), onde se acompanhava ao piano. O show foi um evento cult, em horário alternativo, meia noite. O teatro lotou e cerca de 150 pessoas ficaram do lado de fora. Na plateia nomes como Sandra Pêra e Marina Lima.

Sua primeira música a tocar nas rádios foi "Tola foi você", mas o primeiro grande sucesso veio com "Amor, meu grande amor", música com letra de Ana Terra e que lhe conferiu o título de "A Sensação do Ano" em nota publicada pelo "Jornal do Brasil", em dezembro de 1979. Ainda nesse ano, Maria Bethânia gravou sua composição "Gota de sangue", o primeiro sucesso por outro artista, no LP "Mel".


Adriana Calcanhoto afirma ter composto “ Mentiras“ inspirada em você. Hoje você tem parcerias com Ana Carolina  e Jorge Vercílio . Como você vê o atual panorama da Música Popular Brasileira ? 

Sempre  muito boa a música brasileira tanto a pop como a erudita. Ela é uma das glórias mundiais  e muito me apraz que a Adriana Calcanhoto tenha citado essa  inspiração.


E declara:  

Gosto de todos os tipos (de música)  desde que soe bem. Não tenho preconceitos.


NAS ONDAS DA RO RO 

Artista  inquieta, falou também de seu trabalho de apresentadora . 

Ter um programa de TV ou um programa de WEB Rádio, estavam entre as suas metas profissionais ou você foi convidada a fazer? 

Eu não tenho metas, eu não fico com planos. Eu tenho receio de não poder cumpri-los, aí eu viro uma pessoa frustrada. 


Em 2004, passou a apresentar, no Canal Brasil, o programa "Escândalo", temporada pródiga que contou com a presença de mais de 50 grandes artistas e durou dois anos.  Em 2011 estreia o programa de web rádio "Nas ondas da Ro Ro", gravado em apresentações quinzenais no Rio e recebendo participações de diversos artistas. Os primeiros programas foram gravados no “Espaço Acústica” e desde janeiro vem gravando no Teatro Rival Petrobrás. 

Passam participações de Dudu Nobre, Silvia Machete, Teresa Cristina, Ricky Vallen, Elba Ramalho, Emílio Santiago, Elza Soares, Marcos Sacramento, Farofa Carioca, Rita Ribeiro, Antonio Adolfo, Carol Saboya, entre outros.

O programa esse ano foi veiculado pelo Canal Brasil. A concepção do programa é de Lana Braga, sua empresária, que dirige também a empresa "Dupla Produtora" . Lana, tinha a vontade de levar para a TV o formato após a realização de um projeto homônimo na web.  A direção é  de Jodele Larcher. Ângela comanda o programa, mostrando também o seu talento ao piano. Histórias inusitadas, casos, confissões e muitas risadas permeiam os bate-papos. Muito bem acompanhada por amigos ilustres, Angela canta sucessos e suas faixas favoritas, além de comentar temas especiais e influências sonoras. A lista de convidados conta com a presença de Jerry Adriani, Leila Pinheiro, Serjão Loroza, Teresa Cristina, George Israel, Alessandra Maestrini, Zélia Duncan, Dudu Nobre, Sandra de Sá, Zé Renato, Mart’nália, Jorge Vercillo e Gaby Amarantos

Bem essa matéria é pequena  para o tamanho do valor de entrevistar uma artista como Ângela Ro Ro. Uma pessoa que não deixou a vida passar em branco, e que nos oferece frases e poesias cheias de sabedorias, algumas, eu tentei condensar nesse pequeno  “pingue-pongue“: 

Ângela, o que faz pulsar o seu sangue quente? 

(silêncio) Qualquer coisa pode me emocionar. Pode ficar quente também por exercícios físicos, caminhadas, ou por qualquer aporrinhação que a gente tenta se controlar. ( risos ) 


O que faz seu animal ser gente ? 

O que faz minha besta fera ser gente, é querer o mesmo respeito que eu dou. 


Qual é o seu compasso mais civilizado e controlado? 

Quando eu não me aborreço, pois tão pouco deixo de ser eu mesma e expor minhas idéias e sentimentos. 


No dia 05/12 ela volta aos palcos de São Paulo, no mesmo dia em que completa 65 anos de idade! Que venham mais alguns anos de Ângela Ro Ro! 


SERVIÇO:

Show: 
ANGELA  RO RO  
Projeto  “ Sons da Nova Brasil FM “  
Dias  05/12 E 06/12, ÁS 21:00 HORAS . 
TOM JAZZ 
Av . Angélica , 2.331 – Santa Cecília 
Fone : (11) 3255-0084 / 3255-3635  
CD / DVD  
“FELIZ DA VIDA“ 



Comemorando 33 anos de carreira, Angela Ro Ro recebe em seu segundo CD e  DVD, intitulado "Feliz da Vida" grandes parceiros como: Frejat, Maria Bethânia, Diogo Nogueira, Jorge Vercillo, Sandra de Sá e Paulinho Moska. Gravado em outubro de 2012 no Theatro Net Rio, o setlist revigora a veia autoral de Ro Ro ao lado de Ana Carolina, Antônio Adolfo, além de alguns dos nomes citados acima.

Lançados  pela gravadora  “  Biscoito Fino “ , serão vendidos também durante os shows no Tom Jazz.



Silvio Tadeu
Colunista de Arte e Cultura


 


Portal Vila Mariana ® SP